sexta-feira, 12 de junho de 2009

Pois pois pois....
Tenho voltado a reparar nas pessoas desse lugar, e voltei a me assustar com o que ando vendo.
Acho que as coisas estavam parecendo meio que muito normais nos ultimos tempos, mas acho que o susto é proporcional ao início do calor, porque as pessoas tomam no café da manhã doses cavalares de coragem e saem na rua com cada roupa que eu fico pensando onde será o baile ( de carnaval, é logico)
Bom, esses dias de visita estão sendo estanhos. Primeiro pq visita não quer ser visita, até ai tuuuudo bem, a gente passa por cima. Segundo porque eu, como mineira que sou, gostaria de estar aproveitando o tempo com minha irmã, mas como estou em semana de prova simplesmente não dá, pq ou eu estudo ( que já é complicado) ou eu passeio ( o que também é complicado).
Mas enfim, tudo como dantes no castelo de abrantes... eu acho.
Segunda fiz um jantar aqui em casa. Nadia, Pedro, Gleison, eu e Fernanda. Camarão, peixe, salada, e vinho, um tanto bem bom de vinho...conversas, risadas, tudo muito bom muito obrigada. ( o final da noite a gente pula). Mas tenho que contar que no meio da tarde, estava eu aqui em casa estudando, preparando para a prova de terça quando chega um email avisando que a maldita tinha sido anulada... OTEMO... vão beber e distrair né.
Pois é, na terça o plano era de acordar cedo, logo depois da saída da Nadia que foi pra Marrakesh ( no sentido literal da palavra, e não apenas um lugar longe, ela realmente foi pra lá) e estudar, so que eu não contava com o final da noite, e não contava em não dormir. Mas tuuuuuudo bem, pensava que ainda tinha a quarta toda pra estudar pra prova d quinta, o que me dava um certo alívio.. ledo engano. Por volta das 16:00 hrs me chega um email avisando que no dia seguinte, aquele que eu ia estudar bastaaaante, teria prova as 14:00hr.
Agora, tentem imaginar a minha cara de FUDEU lendo o email? Pois é.. foi um cadim pior.
Pois bem, fazer o que né, tinha que ir fazer a tal da prova. O professor é o papai noel de notre dame... um gordo, mas gordo no sentido obeso da palavra, que tem uma corcunda ( acho que de tão gordo) o pescoço dele eu ainda não descobri de onde sai, mas a cabeça fica grudadinha no final da corcunda...kkk. uma coisa linda de se ver passando. Sem contar que ele SEMPRE usa o mesmo lencinho enrolado no pescoço. Não é que sejam parecidos, é o mesmo.
Bom, a prova que era as 14 so terminou as 16 e tals.. e o mais engraçado é que quando eu entrei ele pediu que chamasse o Edurado de volta, pra falar que gosta muito do Brasil e tal... Foi simpático até demais.
A prova ate que foi boa, mas LOGICO que ele ficou mais tempo falando da Air France que tudo ne...rs. até pq meu artigo que eu tinha que falar era sobre a privatização da mesma....
Fui pra casa do Edurado estudar pra prova de quinta, a que eu estava panicada.
Na hora de voltar pra casa, entrei no metrô.. gente, tinha espaço de um mosquitinho, e esse era eu. Lá no cantinho da porta, de pé, entre milhoes de pessoas.. cada pessoa que entrava eu pensava: o mundo é mesmo multi né... até que eu tive que ficar petrificada uns 5 minutos pra absorver a visão que estava tendo.
Não cheguei a comentar, mas estava chovendo. Num é que me entra uma mulher ( afro descendente pra ser politicamente correta) com uma TOUCA DE BANHO COR DE ROSA NA CABEÇA!!!! Gente, para... coloca a mão na consciência pelo amor de Deus e imaginem a cara de caneca da pessoa aqui ( cara de caneca é aquela coisa que fica ali.. parada, de boca arreganhada). Juro que nem no sonho mais comico da minha vida eu poderia imaginar uma coisa dessas... uma pessoa que sai na rua de touca de banho, mas TEM DOIDO PRA TUDOOOO!
Pois é... tudo passa.. e o dia acabou. Quinta chegou e junto a prova.
Num vou nem falar pq ta dificil de pensar... ferro é pouco, muito pouco.. o jeito agora e meter a cara nos livros e tentar melhorar um cadim a média senão to friiiiita.

3 comentários:

Ju disse...

amei a afro que ai nem de ve ser descendente, e sim afro nascente msm. da proxima tenta tirar uma foto pelo cel.

Anônimo disse...

Amanditaaaaaa, risos...
Olha, eu vi umas aberrações assim quando fiz intercãmbio... Os enfeites de cabeça eram pentes, sabe aqueles que os nossos avôs tinham sempre no bolso da calça? Então, desses... E tambem correntes no pescoço, que o pingente era uma chupeta... Pois é, vi coisas assim...
Beijos, Laís

anita disse...

Ah... Vc está perdendo a oportunidade de juntar material e posteriormente publicar um livro de fotos magavilhoso!!!
Põe a máquina na mochila e faça a alegria dos seus leitores!
Bjs
Anita